Páginas

terça-feira, 22 de maio de 2007

Petkovic abre o jogo

Pelo Esporte Total da TV Goiânia/Band, participei agora a pouco de uma entrevista coletiva com o meia Petkovic. O meia sérvio foi à sede do Goiás e solicitou a presença da imprensa para esclarecer os motivos de sua saída do clube.

Vamos a alguns pontos importantes:
  • Pet disse que soube de várias fontes de que não era bem vindo no grupo, primeiro soube através de boatos e depois teve informações.
  • Não se indispôs com ninguém do grupo, não tem raiva de ninguém e que se há inimizade não é por parte dele.
  • Disse que é humilde, tratou todos bem, tentou ser líder do grupo mas não conseguiu.
  • Não descarta a possibilidade de que em alguns momentos os companheiros tenham evitado lhe tocar a bola nos jogos.
  • Não citou nomes.
  • Pediu para sair na semana passada, mas a diretoria não aceitou.
  • Segundo ele é a primeira vez que isso acontece com ele.
  • Ficou chateado por ter ficado no banco, mesmo estando em 100% das condições.
  • Ficou aborrecido pelas declarações de Paulo Bonamigo, quando na reapresentação do Goiás, criticou a ausência dele, sendo que o técnico sabia que o jogador estava liberado pela diretoria.
  • Não guarda mágoa da imprensa, disse que pouco acompanhava, não acha que tenhamos sido injustos com ele, mas disse que a imprensa exagera muito negativamente e positivamente.
  • Dava poucas entrevistas para não se tornar centro das atenções, lembrou que não ia a programas porque não gosta de aparecer.
  • Lembrou que chegou com uma lesão grave e que todos sabiam disso.
  • Não tem preposta, quem quiser pode ligar.
  • Não acha que a saída de Geninho contribuiu para a sua decisão.
  • Não tem ressentimentos com a diretoria do Goiás.
  • Gostou de Goiânia, e enquanto não tiver proposta vai continuar morando aqui.
Resumindo: O que Petkovic fez questão de dizer é grave e merece providências da diretoria do Goiás, aí é que falta alguém experiente no futebol. Então uma panelinha derruba o melhor jogador do time e fica por isso mesmo?

Nenhum comentário:

Postar um comentário