Páginas

terça-feira, 5 de junho de 2007

Desastre financeiro

Agora a pouco na Rádio 730, o vice-presidente do Goiás, Edminho Pinheiro, abriu o verbo, detonando a administração Raimundo Queiroz, antecipando dados da auditoria, que será divulgada amanhã:
  • Disse que a administração Rimundo Queiroz foi um desastre.
  • Que por causa do futebol dava nota 8,5. Agora a nota é zero.
  • Disse que Hailé Pinheiro era um “marido traído”.
  • A dívida é atual é de 16 milhões.
  • Ano passado entraram no caixa 29 milhões e 28 foram gastos.
  • Disse que a situação é preocupante.
  • Empréstimos com terceiros: Com o empresário Renato Padilha, jogadores e o técnico Geninho.
  • Disse que o clube tinha gastos excessivos.
  • Jogadores com salários muito altos e contratos longos.

4 comentários:

  1. Então quer dizer que o Goiás está em um todo RUIM DAS PERNAS...
    Mais um motivo pra valorizarmos o campeão Goiano de 2007.
    Palavras de um esmeraldino entristecido.

    ResponderExcluir
  2. André, o Edminho disse que entrou 28 e gastou 29 não o contrário. Pelo menos foi o que eu ouvi...

    ResponderExcluir
  3. Tá certo Danyllo... errei na digitação... realmente ele falou entrou 28 e gastou 29...

    Obrigado

    ResponderExcluir
  4. Quem eh esse Renato Padilha,e pq o Raimundo foi pedir socorro a ele...estranho isso....

    ResponderExcluir