Páginas

sexta-feira, 18 de abril de 2008

Kajuru na Companhia FM

Neste sábado dia 19 de Abril de 2008, às 12:30 hs, Jorge Kajuru o maior fenômeno do rádio e da televisão brasileira , estará na Rádio Companhia FM de Goiânia em uma entrevista marcante. Kajuru vai falar do lançamento do seu livro "Condenado a falar" em Goiânia, onde ultrapassará a marca de 500 mil livros vendidos. Uma marca histórica em se tratando de livros vendidos no Brasil escrito por um jornalista. Kajuru vai falar de sua vida, de seus amigos e de como ele está hoje. Vale a pena você ouvir está entrevista. para você que está fora de Goiânia e gostaria de ouvir a entrevista é só você acessar o site da Rádio Companhia FM - www.companhiafm.com.

quinta-feira, 17 de abril de 2008

Arbitragem definida

Goianão 2008 – Fase Semifinal – Jogos de Volta:

Dia 19/04/08 – Sábado:

Goiás EC x Anápolis FC – 17:00 – Estádio Serra Dourada (Goiânia)

Árbitro: André Luiz Castro
Assistente 1: João Patrício
Assistente 2: Jair Marinho
Quarto Árbitro: Eduardo Tomaz

Dia 20/04/08 – Domingo:

Atlético CG x Itumbiara EC – 16:00 – Estádio Serra Dourada (Goiânia)

Árbitro: Heber Roberto Lopes (FIFA/PR)
Assistente 1: Marco Antônio Moreira
Assistente 2: José de Cássio
Quarto Árbitro: Luiz Alberto Bites

Opinião: Boa escolha, sorte pra eles.


Deu mole

Uma semana após eliminar o Grêmio, em Porto Alegre, o Atlético/GO foi derrotado para o São Caetano por 2 a 1, no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP), no jogo de ida da fase oitavas-de-final da Copa do Brasil.

O goleiro Márcio, contra o Grêmio foi herói, ontem foi vilão. Falhou no primeiro gol sofrido, e no final do jogo, ainda desperdiçou um pênalti, que poderia significar o empate no jogo.

O técnico Zé Teodoro também foi mal. Resolveu poupar alguns jogadores, diante do placar adverso se viu na necessidade de colocar o atacante Juninho na etapa final.

O atacante que descansou no primeiro tempo correu dobrado no segundo. Fez um gol e sofreu o pênalti desperdiçado por Márcio.

Ficou provado que Zé Teodoro estava errado.

Escalou mal e perdeu a vantagem.

Com o resultado, o São Caetano necessita de um empate na partida de volta, no dia 30, no Serra Dourada, já ao Atlético, basta um 1 a 0.

Poupou jogadores e o que ganhou com isso?

Se não ganhar do Itumbiara o Atlético corre o risco de ficar chupando o dedo.


Mão boba

O gol de mão de Adriano no clássico de domingo entre São Paulo e Palmeiras, o primeiro da vitória Tricolor por 2 a 1 pelas semifinais do Paulistão no Morumbi, ainda vai dar o que falar nos próximos dias, e não somente entre os dirigentes e jogadores dos clubes.

O Imperador pode ficar fora da final do Paulista. O Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) vai analisar o lance para decidir se houve a intenção de burlar a regra do jogo.

Há exatamente um ano atrás, o atacante Fabrício Carvalho, do Goiás, era suspenso preventivamente, pelo TJD/GO, do Goiás, fez um gol com a mão. Na época, ele assumiu a intenção de marcar de maneira irregular. Como punição, o jogador ficou um jogo suspenso. Ele foi enquadrado no artigo 258 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que pune “quem assume atitude contrária à disciplina ou à moral do esporte”.

Na minha opinião Adriano deve ser suspenso. Mão só pra goleiro e dentro da sua área.

terça-feira, 15 de abril de 2008

Reforços do timão

Frase do diretor técnico Antônio Carlos do Corinthians, sobre Wellington Saci do Itumbiara e Eduardo Ramos do Anápolis, os reforços contratados pelo timão para se apresentarem depois do Goianão:

"Fiquei muito contente pelos jogadores, mas não pelo Corinthians. Não estava torcendo contra, mas queria que eles viessem para cá o mais rápido possível", declarou o dirigente.

Que efeito essa frase pode causar?

O que valeria mais para
Wellington Saci e Eduardo Ramos?

Uma apresentação imediata no timão ou uma classificação para a final do estadual?

Em tempo: Eduardo Ramos disse que ainda não está confirmado no Corinthians, pois só acertou verbalmente.

Será que a palavra do Eduardo Ramos vale menos que uma assinatura?

Errando de novo

No Goiás o técnico Caio Júnior praticamente definiu a equipe que enfrentará o Corinthians, nesta quarta-feira, pela primeira partida das oitavas de final da Copa do Brasil. A tendência é que o treinador mantenha o mesmo time que iniciou jogando contra o Anápolis, no último domingo, e que foi derrotado por 3 a 1.

Há um erro na minha opinião.

Schwenck permanecerá no ataque e Alex Terra no banco. O atacante de melhor aproveitamento será suplente.


segunda-feira, 14 de abril de 2008

Vendo a história ser escrita

Goiás e Atlético vivem situações parecidas nesta quarta-feira, ambos estão nas semifinais do Goianão e estão vindo de derrotas. No sábado o Goiás, depois de perder por 3 a 1 para o Anápolis, precisa reverter uma desvantagem de 2 gols. Já para o Atlético a missão é vencer o Itumbiara que ganhou o primeiro jogo por 1 a 0.

Os dois goianos enfrentão dois paulistas na terceira fase da Copa do Brasil.
Corinthians e o São Caetano, tem algo em comum, não estão disputando as finais do Campeonato Paulista. Na próxima quarta-feira o alviverde recebe o Corinthians no Serra Dourada. Já o Atlético enfretará no mesmo dia o São Caetano, em Ribeirão Preto.

Acredito que os Goianos são favoritos.

A missão mais difícil é do Goiás, pois enfretará um time de maior tradição.

O Atlético tem a vantagem de jogar em campo neutro e depois decidir em casa.

Se passarem os dois se enfrentam, o que seria inédito na Copa do Brasil.


Já imaginaram uma final do interior entre Anápolis e Itumbiara e um confrontos de goianos na Copa do Brasil?

Quem sabe não estejamos vivendo um ano histórico no futebol goiano?

domingo, 13 de abril de 2008

Carro não se empresta

Na madrugada deste sábado, Romário desfilava com sua nova Ferrari por Niterói, onde foi a uma festa na Estrada Fróes, no bairro de São Francisco. Enquanto curtia a festa, o craque emprestou o carro a um amigo, que bateu a Ferrari do jogador. O acidente aconteceu em uma curva próximo ao Iate Clube de Icaraí. Segundo testemunha, o amigo do baixinho saiu chorando do carro. Romário chegou um tempo depois do acidente e teve que chamar um reboque para levar o veículo.

Os tricolores com vantagem

Errei no meu prognóstico.

Deu Anápolis, e bem, 3 a 1.

O tricolor da Boa Vista, já jogou três vezes com o Goiás, ganhou duas e empatou uma.

Com essa vitória no Estádio Jonas Duarte, o tricolor agora reverte a vantagem que o Goiás esmeraldino tinha. Na partida de volta, sábado, no Estádio Serra Dourada, o Anápolis pode perder por 1 gol de diferença para chegar à final do Goianão.

O Anápolis é favorito à vaga.

No outro eu acertei:

O Itumbiara ganhou de 1 a 0, e no domingo contra o Atlético, jogará pelo empate.

O tricolor da fronteira, já jogou três vezes com o Atlético, ganhou as três.

O Atlético, pra mim ainda é favorito à vaga na final.

Mas a vantagem do Itumbiara é considerável.

Já imaginaram uma final do interior?

Seria muito interessante.

Galo faz o segundo e o terceiro

Pega fogo o jogo no segundo tempo em Anápolis.

Aos 28, Mesmo jogando melhor o Goiás tomou o segundo gol, depois da tabela entre Reinaldo para Peterson, e o toque para Dinei marcou.

Depois do gol o Goiás morreu no jogo.

Aos 32 minutos, Eduardo Ramos acaba de fazer o terceiro gol do Anápolis contra o Goiás, do segundo tempo.

Agora, o tricolor vence a partida no Estádio Jonas Duarte por 3 a 1.

Com esse resultado o Anápolis pode até perder por um gol de diferença no sábado, no Serra Dourada, que estará na final.

Engrossou o caldo pro verdão.

A rede está balançando

O Itumbiara está vencendo, Anápolis e Goiás empatam.

Aos 10 minutos do primeiro tempo, Wellignton Saci, em um golaço, abriu o placar para o Itumbiara contra o Atlético, no Estádio JK.

Já no Estádio Jonas Duarte, Eduardo Ramos fez o primeiro do Anápolis contra o Goiás, aos 26 minutos do primeiro tempo. Em chute de longe a bola tocou em um zagueiro Paulo Henrique e enganou o goleiro Harley. Segundo o repórter Dante Keller da Companhia FM, a chuteira usada por Eduardo Ramos é um presente do goleiro Harley do Goiás.

Aos 34 minutos do primeiro tempo, o zagueiro Neílson deu uma furada de cinema, Evandro aproveitou e marcou o gol de empate do Goiás.

Placar de momento:

Itumbiara 1 x 0 Atlético

Anápolis 1 x 1 Goiás

Semifinais

Estou acompanhando nesse momento a fase semifinal do Campeonato Goiano.

Anápolis X Goiás:

O Goiás está com Alex Dias e Schwenk no ataque. Não entendi porque Alex Terra está no banco.

Tenho dúvidas de qual será o comportamento do Anápolis de Evair. O de Alfinete era eficiente.

O Goiás é favorito.

Itumbiara X Atlético:

O Itumbiara não pode ter Dida, devido a um acordo com o Atlético que o emprestou. Não faz falta.

O Atlético tem a volta do zagueiro Jairo. Fortalece a defesa.

Em casa o Itumbiara é favorito para o jogo, mas não para a vaga.