Páginas

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Dr. Syd: Chegou a hora de abandonar o barco

A pressão é muito forte. Hailé Pinheiro manda no Conselho Deliberativo. O Conselho, se quiser asfixia o presidente.

Ávidos pela sede de poder. Munidos da vaidade e intolerâcia o amor ao clube fica em último plano.

A meta é tornar o Goiás inadministrável nas mãos de Syd de Oliveira Reis. Mesmo que isso signifique a derrocada financeira e técnica do clube para a Série B.

Nem o mais fanático dos vilanovenses seria tão cruel.

Eles tem mais poder e não desistirão. Até na CBF eles tem moral. Pela primeira vez a entidade máxima do futebol desconsiderou a assinatura de um presidente de clube em detrimento de um documento assinado por um presidente do Conselho.

Chegou a hora do Dr. Syd renunciar.

Passar o cargo para Hailé Pinheiro é o melhor a se fazer.

Hailé deve ter todas as soluções para os problemas do Goiás. Reforços e um novo técnico contratados e dinheiro para pagar os salários e premiações atrasadas. Isso sem precisar vender o Toloy e nem o Felipe.

É com o Hailé assumindo, Marcão da Muralha e Ediminho estarão de volta ao futebol do Goiás.

Pula fora Dr. Syd!

Jogue essa bomba na mão de quem a acendeu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário