Páginas

terça-feira, 17 de agosto de 2010

Ele não deveria ter saído.

Um trabalho de vários anos.

Um planejamento.

Objetivos alcançados. Talvez até antes do esperado.

No início do ano, quando tudo ia bem, tentaram dar o "pulo do gato". Mandaram Artur Neto embora. O treinador que mais conhecia desse planejamento. O técnico que ajudou o Atlético a conquistar o campeonato goiano de 2007 e a ascensão à série A deste ano.

Troxeram o técnico Geninho. Experiente, vitorioso, sério, profissional, mas... Não era a cara do Atlético. O seu esquema era muito defensivo. Lembram dos 4 volantes?

Geninho ganhou o Campeonato Goiano (com o Atlético até eu ganharia esse ano), foi bem na Copa do Brasil. fracassou no Brasileiro e pediu pra sair.

Durante o recesso da Copa veio Roberto Fernandes. Trabalhador, inteligente, mas... Totalmente sem comando. Foi engolido pelos boleiros. Com ele o Atlético jogou bem, foi ofensivo e ousado.

Renê Simões chega com um esquema diferente de todos os outros. Gosta de jogar com 5 no meio campo.

Aí, desse jeito, não tem time que entrose.

Demitir Artur Neto. O maior erro do Atlético.

Se ele não tivesse saído, o time estaria numa situação melhor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário