sábado, 3 de abril de 2010

Mistão

Pra pegar a Anapolina amanhã serão dez desfalques do Dragão: Erandir, Chiquinho, Anailson, Pituca e Marcio Gabriel machucados: Márcio, Jairo, Robston, Elias e Juninho suspensos.


Mistão pra pegar a Rubra: Édson; Thiago Martins, Gilson, Welton Felipe e Alisson; Agenor, Ramalho, Weslley e Lindomar; Marcão e Washington.


Com esse time o Atlético disputaria a classificação, mas pela situação do jogo, não acredito que vença a Anapolina. O Atlético não deve vencer por dois fatores: o interesse da Anapolina e o desinteresse do Atlético nesse jogo. O que o time tinha que fazer na primeira fase já o fez.

sexta-feira, 2 de abril de 2010

Meus palpites

Aí vão os meus palpites da última rodada da 1ª fase do Campeonato Goiano:
Todos os jogos serão amanhã as 4 da tarde:

Estádio Antônio Accioly
Atlético 1 X 2 Anapolina   

Estádio Plínio José de Souza
Canedense    1 X 1 Morrinhos   

Estádio Hailé Pinheiro
Goiás 2 X 1 CRAC

Estádio Pedro Romualdo Cabral   
Sta. Helena     1 X 1 Vila Nova   

Estádio Abrão Manoel Costa
Trindade 1 X 1 Itumbiara

Consequentemente, se classificarão Atlético, Santa Helena, Goiás e Vila Nova, caem Itumbiara e Canedense.

quinta-feira, 1 de abril de 2010

Dia da mentira

Não imaginei que teria tanta repercussão.

Hoje no Esporte Total disse na abertura do programa que Édson Gaúcho não seria mais o técnico do Vila Nova, no final disse que era uma pegadinha de 1º de Abril. Depois de inúmeras ligações na sede do Vila Nova, olha no que deu:

Nota oficial site do Vila Nova:


DECLARAÇÃO


A diretoria do Vila Nova Futebol Clube declara que a informação veiculada pelo apresentador André Isac hoje(1/4), sobre a saída do técnico Edson Gaúcho do comando colorado, não procede.
Por ser 1º de abril, conhecido como “o dia da mentira” o apresentador, na tarde desta quinta-feira, fez um comentário sobre a saída do técnico colorado do comando do Tigre, mas logo se retratou alegando ser uma brincadeira.
O clube informa que Edson Gaúcho segue no comando Vila Nova.

Eu tenho a força

A goleada já era esperada, mais em virtude da fragilidade do São José de Macapá do que propriamente por méritos do Goiás. 7 a 0, ontem, no Estádio da Serrinha, pelo jogo de volta da 2ª fase da Copa do Brasil. Foi a maior goleada alviverde na competição, em um jogo em que o empate já bastava para o time goiano se classificar para as oitavas-de-final, já que venceu a partida de ida por 1 a 0, em Macapá.


Jorginho, que não é bobo, não se empolgou com o resultado, afinal ele  sabe que o Crac domingo vai ser uma pedra no seu sapato.


Na fase seguinte, o Goiás enfrenta o Vitória, que eliminou o Náutico ao vencer o time pernambucano por 5 a 0, e ainda perdendo dois penaltis, no Estádio Barradão. O primeiro jogo será no dia 14 de abril. 

Os destaques do  jogo de ontem foram os atacantes Rafael Moura (He-man) e Éverton Santos, o primeiro pelos quatro gols e o segundo pelas assistências.


Não posso deixar de lembrar do goleiro Miro, do São José, que fez tomou sete gols e ainda ficou fazendo a alegria da galera dançando o rebolation.

quarta-feira, 31 de março de 2010

Carapuça

Trecho no início do Boletim Oficial Nº 032/2010, do Tribunal de Justiça Desportiva de Goiás, sobre as decisões da 2ª comissão disciplinar do dia 30 de Março de 2010:

"CERTIFICO mais, que a sessão de julgamento iniciou às 19:30 hs., antes de anunciar o processo a ser julgaldo o douto Presidente desta 2ª Comissão Disciplinar pediu que fosse registrado o seu descontentamento com a forma que alguns integrantes da imprensa esportiva tem noticiado a respeito do Tribunal de Justiça Desportiva, demonstrando o total desconhecimento das normas jurídicas dessas mesmas pessoas. Que tem absoluta certeza que a 2ª Comissão Disciplinar julga os processos com total isenção e dentro das normas jurídicas desportivas existentes. Que por varias vezes essas pessoas nunca estiveram presentes dentro do Tribunal para assistirem os julgamentos e ainda querem ser donos da palavra." 

Sendo assim vai meu comunicado:

"CERTIFICO que seja registrado o meu descontentamento com a forma que o Tribunal de Justiça Desportiva do Estado de Goiás vem conduzindo alguns assuntos no futebolgoiano, demonstrando o total desconhecimento das normas jurídicas dessas mesmas pessoas. E que tenho a opinião que o TJD/GO julgou os processos referentes ao Itumbiara contrariando as normas jurídicas desportivas existentes. Ao visto que poderiam ter julgado o Itumbiara E.C. no dia 18 de Março por não promover a segurança em sua praça desportiva, e que o julgamento foi adiado por um motivo banal, que foi o vínculo ou não do Prefeito José Gomes com o clube, ligação que por sinal é explicita. Certifico ainda que o presidente do TJD/GO contrariou o Estatuto do Torcedor nos casos envolvendo o jogo Canedense X Vila Nova e Itumbiara X Canedense ao solicitar laudos e fazer vistorias sendo que essa legislação prevê que a responsabilidade pela segurança do torcedor em um evento esportivo é da entidade de prática desportiva detentora do mando de jogo e de seus dirigentes e não da Justiça Desportiva. Certifico também não lembrar quando algum outro Tribunal fez inspeção em estádio. Lembro também que essa impunidade gerou a reincidência de problemas em Itumbiara nos dois jogos seguintes, sendo que se tivessem julgado no dia 18 isso seria evitado. Certifico que poucas vezes estive Tribunal para assistir os julgamentos, e que em algumas oportunidades mesmo indo não assisti, como em 2005 quando faltou quórum em um julgamento de um jogador do Goiás às vésperas de uma decisão. Certifico ainda que não sou o dono da palavra, apenas tenho a minha opinião e dentro da minha liberdade de expressão sou ouvido pelo meu público, que também tem opinião própria, e que pode avaliar se estou certo ou errado."

Tá fácil


Hoje o estado de Goiás vai se dar bem na Copa do Brasil

Depois de ter vencido o primeiro confronto em Goiânia, para avançar, o Atlético pode até perder por um gol de diferença. Caso o Bahia vença por 2 a 0, a decisão será nos pênaltis. Se marcar gol, o Dragão complica ainda mais a vida do adversário. E como o Atlético, dificilmente passa um jogo sem balançar as redes, acredito que a vaga está na mão.

Já o Goiás, jogando em casa, só precisa de um empate para passar de fase. Na primeira partida, em Macapá, o alviverde venceu por 1 a 0. O adversário, o modesto São José/AP, não oferece risco algum.

terça-feira, 30 de março de 2010

Mudanças e estréias


Amanhã, contra o São José/AP, o técnico Jorginho promoverá as estréias de Everton Santos e Mateus (ex-Canedense). Jadílson e Amaral vão pra reserva. Felipe e Fernandão continuam machucado, e Wendell e Deyvid Sacconi não podem atuar na Copa do Brasil, pois já jogaram pelo Palmeiras. Douglas entra na lateral direita, Fabio Bahia no meio e Saci na lateral-esquerda. A escalação ficou assim: Harlei; Douglas, Ernando, Tolói e Wellington Saci; Túlio Rithelly, Fabio Bahia e Mateus; Everton Santos e Rafael Moura.

Não há o que questionar nesta escalação, o Jorginho tem que dar uma sacudida, aliás até passou da hora do time ter um padrão de jogo.
 
 

Tá valendo uma pelota...

Abri a promoção no twitter e vou estender ao Blog.

Vou sortear uma bola oficial penalty entre os que acertarem os 4 classificados e os dois rebaixados do Goianão no domingo.

Podem colocar a opinião de vocês nos recados (pitacos) abaixo.


1 voto pra cada heim...


Em destaque uma bola sorteada ao Ari Filho (http://twitter.com/ari_filho)

segunda-feira, 29 de março de 2010

Foto da rodada

Com inteligência...

Com a cabeça...

Com o coração...

Parabéns ao Vila Nova pela vitória no clássico e a reação no campeonato. A superação do Vila serve de exemplo para outros times, inclusive o Goiás.

Obrigado a Leonardo Iran (twitter.com/leoiranfoto) pela foto.

Armando Nogueira sobre Túlio Maravilha

Choro

Após a derrota para o Vila Nova no clássico o conselheiro Ediminho Pinheiro procurou os microfones e falou um monte de abobrinhas. Coisas que ele jamais diria se o Goiás tivesse vencido. Ediminho disse que campeonato é uma palhaçada. que o árbitro quis fazer média com a torcida do Vila, pediu exame antidopping e sugeriu que a FGF utilize árbitros de fora do Estado para atuar nas partidas das semifinais. Ediminho ainda ameaçou que se a federação não tomar providência, no próximo ano o Goiás vai entrar no campeonato com time misto.

Que medo, aliás, o Goiás já não está com time misto?

Ediminho só foi bem ao lembrar a impunidade no caso dos jogos do Itumbiara e da Canedense, das invasões e brigas, mas errou ao atribuir a culpa à FGF, sendo que ele mesmo sabe que isso é atribuição do TJD/GO.

Ediminho também pediu exame antidopping, vai ter na fase final, está no regulamento, e ele tem o conhecimento disso, dessa forma ele age desrespeitosamente com jogadores de outros times.

O certe é que Ediminho procurou os microfones para desviar o foco e tentar colocar pressão na arbitragem. E também ele teme perder o campeonato goiano e procurou uma forma de desmerecê-lo. O Campeonato tem seus erros mas não é ruim. É bom e emocionante.

Edmo deve cobrar de seus jogadores e comissão técnica um futebol mais convincente e proporcional à qualidade de estrutura que o Goiás oferece. O Goiás faz um campeonato ridículo.

Pra terminar... uma frase:

"É costume de um tolo, quando erra, queixar-se dos outros. É costume de quem procura instrução, queixar-se de si mesmo." (Sócrates)

domingo, 28 de março de 2010

Matemática do Goianão

Última rodada da 1ª fase:
Jogos no domingo às 4 da tarde:

Atlético X Anapolina
Canedense X Morrinhos
Goiás X CRAC
Sta. Helena X Vila Nova

Trindade X Itumbiara

Classificação e chances


Disputa do 1º lugar:
1º Atlético 31 pontos - Está classificado para a Fase Semifinal, para garantir a primeira posição basta vencer a Anapolina. Se empatar ou perder torce para o Santa Helena não vencer o Vila Nova.
2º Santa Helena 30 pontos - Está classificado para a Fase Semifinal para garantir a primeira posição precisa vencer o Vila Nova e torcer para que o Atlético não vença a Anapolina.

Disputa pela classificação:
3º Vila Nova 26 pontos - Se classifica empatando com o Santa Helena ou perdendo desde que a Anapolina não vença.
4º Crac 26 pontos - Se classifica vencendo o Goiás, se empatar torce para que a Anapolina não vença ou para que o Vila Nova perca o seu jogo.
5º Goiás 25 pontos - Só se classifica vencendo o Crac.
6º Anapolina 24 pontos - Se classifica vencendo o Atlético combinado com derrota do Vila Nova ou empate de Goiás e Crac.

Fuga do rebaixamento:
7º Morrinhos 18 pontos - Empatando com a Canedense permanece na primeira divisão.
8º Trindade 18  pontos - Empatando com o Itumbiara permanece na primeira divisão.
9º Itumbiara 17 pontos - Permanece na primeira divisão se vencer o Trindade.
10º Canedense 15 pontos - Permanece na primeira divisão se vencer o Morrinhos.

Balanço da rodada

Ontem
Itumbiara 1 x 2 Atlético

Hoje
Vila 2 x 1 Goiás
Anapolina 5 x 1 Canedense
Crac 3 X 0 Trindade
Morrinhos 2 x 2 Sta Helena

Acertei com placar do Itumbiara e os resultados de Anapolina e Crac errando os placares. Errei no Vila e no Morrinhos.

Sorte e competência

Mesmo dando algumas pescadas consegui assistir cerca de 90% do GP da Austrália. Jason Button arriscou e ganhou a corrida, no início com chuva, enquanto todos estavam com pneus intermediários, e ele, na sétima volta, foi o primeiro colocar os slicks, a pista secou e ele se deu bem. O espanhol ainda contou com a sorte, com a saída de Vettel na caixa de brita.

Kubica foi o segundo, Massa que largou muito bem, alternou bons e maus momentos na corrida, mas garantiu a terceira posição. Alonso foi o quarto, Barrichello, o oitavo, fez o que pôde. Schumacher o 10º, poderia ter feito mais.

Na transmissão Galvão Bueno estava muito chato, não deixava o Reginaldo falar, Burti não participou e fez falta.

28 de Março de 1999

Há 11 anos atrás... Direto do túnel do tempo:

Fim do sofrimento

O sofrimento está acabando, hoje acontece o último clássico de uma só torcida em Goiânia. O Estádio Serra Dourada foi fechado para reformas com isso o campeonato Goiano não teve o principal palco do estado. Por questões de segurança, apenas a torcida mandante teve permissão para assistir os jogos.

O descaso dos governantes no decorrer dos anos fez com que a nossa principal praça esportiva fosse sendo deteriorada com o decorrer dos anos. Aliás, reformar e dar manutenção ao que já foi feito não dá voto, os políticos querem é inaugurar novas obras que às vezes ficam nas pedras fundamentais, viram elefantes-brancos (Centro Cultural Oscar Niemeyer) ou nunca saem do papel (Centro de Excelência). Sobre a falta de manutenção, não isento nenhum governo dos últimos 20 anos e reprovo o trabalho dos atuais responsáveis pelo estádio que estão por aí há quase 12 anos vendo o nosso Serra Dourada cair aos pedaços.

O Serra Dourada ficará pronto no dia 11 de Abril, terá um novo gramado e novos para-ráios, e continuará com as mesmas infiltrações, problemas elétricos e hidráulicos. E acreditem, no dia em que o estádio for reaberto haverão políticos que se gabarão das modestas reformas em entrevistas, supervalorizarão os investimentos feitos, elogiarão o governador, os secretários, a si mesmo quem mais queiram bajular.

E uma frase estará na ponta da minha língua: "Não fizeram mais do que obrigação!"

Sobre o Centro de Excelência... Será que um dia o verei pronto?