Páginas

quinta-feira, 22 de julho de 2010

Foi o Leão


Quem foi o culpado pela confusão do Barradão?

Há quem diga que foi o repórter, que assim como vários setoristas às vezes torce mais do que trabalha.

Se o repórter não teve a conduta correta esse seria apenas um atenuante às presepadas feitas por Rafael Moura e Leão ontem. Principalmente por Leão o grande culpado.

Leão parecia um louco, saiu totalmente de si, não conseguia ver o mico que estava pagando. Confesso... Tenho medo de ficar assim...

Esse comportamento contagiou alguns jogadores e amedrontou outros.

Leão teve que ser contido por jogadores e comissão técnica, pessoas que hierarquicamente são inferiores a ele. Que Vergonha.

- Romerito me solta... senão é você que vai apanhar... - Dizia o Leão enfurecido.

Rafael Moura, que arrumou agora uma vaguinha no time, foi o puxa-saco da parada. Ele que está mais pra príncipe Adam deu uma de He-man e bateu no coitado do repórter. Covardemente.

Patrocinadores e a marca Goiás foram expostas negativamente. Foi ridículo.

Sobre o assunto a nota oficial da diretoria do Goiás:

O Goiás Esporte Clube lamenta profundamente o ocorrido na noite de ontem, no estádio Manoel Barradas, em Salvador, logo após o jogo contra o Vitória, válido pela décima rodada do Campeonato Brasileiro.

Entendermos que as atitudes ocorridas foram reações as agressões inicialmente sofridas pelos atletas e comissão técnica. Entretanto, tais fatos não justificam a violência.

Amanhã pela manhã, logo após a reapresentação do elenco no estádio Hailé Pinheiro (Serrinha), haverá uma coletiva na sala de imprensa do complexo esportivo para mais esclarecimentos.

A Diretoria.

Mano na seleção

 Luis Antônio Venker de Menezes, o Mano Menezes, técnico do Corinthinas, deve ser anunciado amanhã como novo técnico da seleção. Mano é Formado em Educação Física e Administração de Empresas. Nunca jogou bola profissionalmente, só em clubes amadores. Foi atacante, meia, volante e zagueiro, Cursou Educação Física e se tornou técnico paralelamente à sua carreira de jogador amador. A primeira oportunidade como treinador, foi em 1986 no SESI do Rio Grande do Sul. Depois, Mano foi técnico das categoriais do Guarani-RS, a base do Caxias e do Internacional de Porto Alegre. Também fez estágio no Cruzeiro em 1997, com Paulo Autuori. E ainda em 97 se tornou treinador profissional
no Guarani-RS. Conseguiu destaque por lá, vencendo o Campeonato Gaúcho de Futebol de 2002 e a seletiva para a Copa Sul-Minas nesse mesmo ano.
Depois, treina o Brasil de Pelotas e o Iraty, em 2002 e em 2003, respectivamente. Em 2003, volta ao Guarani e fica por poucos meses.
Em 2003, ganha notoriedade por sua boa campanha na Copa do Brasil de 2004, no comando do 15 de Novembro, chegando à semifinal e obtendo o 3º lugar. De 2004 à 2005, treina o Caxias.

Em abril de 2005, Mano Menezes foi contratado pelo Grêmio para ser o responsável por trazer o time novamente à Série A do Campeonato Brasileiro, pois o clube havia caído no ano anterior. A meta foi cumprida e pra completar em 2006 e 2007, Mano levou o Grêmio ao título do Campeonato Gaúcho. Ainda em 2006, classificou o Grêmio em terceiro lugar no Campeonato Brasileiro, obtendo assim, uma vaga para disputar a Copa Libertadores da América no ano de 2007 onde eliminou dois dos grandes clubes paulistas, o São Paulo, nas oitavas-de-final, e o Santos, na semifinal, chegando à final e perdendo para o Boca Juniors da Argentina.

Mano Menezes deixou o Grêmio no final de 2007. Após 169 jogos, obteve 89 vitórias, 35 empates e 45 derrotas, o que representa um aproveitamento de 59,56%. Foram 302 pontos conquistados de um total de 507.

No final de 2007, foi contratado para para dirigir o Corinthians, com a missão de levantar o clube que, com o rebaixamento pra a Série B, entrou na crise mais grave de toda a sua história.
No dia 28 de novembro de 2007, oficializou o final de seu vínculo com o Grêmio ao deixar de renovar seu contrato, dirigindo a equipe até 2 de dezembro de 2007, no último jogo do Campeonato Brasileiro, exatamente contra o que seria o seu próximo clube como treinador, o Corinthians, que naquele jogo foi rebaixado para a Série B do Campeonato Brasileiro.
Em 2008, disputando a Copa do Brasil, conseguiu levar a equipe paulista à final contra o Sport e ficou com o vice-campeonato.
Após a derrota na Copa do Brasil, o Corinthians desviou todas as suas atenções novamente à Série B. Em 8 de novembro de 2008, levou o time, em uma bela campanha, com apenas três derrotas, ao título do Campeonato Brasileiro de Futebol de 2008 - Série B.
Em 3 de Maio de 2009, levou o Corinthians ao título do Campeonato Paulista, sendo campeão invicto.
Em 1º de julho de 2009, sagrou-se campeão da Copa do Brasil.

Uma carreira curta e de sucesso.

A melhor de todas as opções.

Mano sabe lidar com jovens e veteranos e iniciará uma nova fase na seleção Brasileira.

quarta-feira, 21 de julho de 2010

Dia de Brasileirão



Às 7 e meia tem três jogos:

Vitória X Goiás, em Salvador: Humm... cheiro de empate.

Atlético/MG x Inter, em Sete Lagoas: O Colorado não perde esse jogo.

São Paulo X Grêmio Prudente, no Morumbi: O Tricolor ganha hoje na marra...

Às 9 horas tem Flamengo e Avaí, no Maracanã: Anota aí... o Avái não perde o jogo.

E às 9 e 50, mais três partidas:

Atlético/PR X Santos, na Arena da Baixada: Jogo para marcar o retorno dos "meninos da Vila".

Grêmio X Vasco, no Olímpico: Se depender desse jogo, o Silas cai hoje.

Atlético/GO X Corinthians, no Serra Dourada: O Atlético saiu da série B mas a série B não saiu do Atlético, o time é bonzinho, mas tem cara de rebaixado. Mesmo assim acredito na vitória hoje

terça-feira, 20 de julho de 2010

Carlinhos Bala no Dragão

O atacante Carlinhos Bala é do Atlético-GO. Bala é um atacante rápido e com faro de gol, começou sua carreira no Santa Cruz, onde foi formado. Defendeu ainda os outros dois times de Recife, o Sport e o Náutico e em todos foi bem. O novo reforço atleticano atuou ainda no Beira-Mar de Portugal e no Cruzeiro.

Carlinhos Bala é bom jogador, é vencedor e vai ajudar muito o Atlético.

segunda-feira, 19 de julho de 2010

Novos rumos

Tomei uma decisão importante: Deixo o Rádio Esportivo para ter duas atividades a TV e a Internet.


Reformularei o meu blog e dedicarei o mais do meu tempo a escrever para os internautas no Blog e no twitter.


Continuarei normalmente no Esporte Total.


Desde já agradeço a todos que me acompanharam no rádio durante os últimos anos e a todas as emissoras que me deram a oportunidade de trabalhar.


Nos próximos tópicos mais detalhes.