Páginas

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Atlético 3 x 1 Coritiba - Dragão vence a 5ª seguida

Márcio comemora o 1º gol
O Atlético Goianiense emplacou a sua quinta vitória consecutiva neste Campeonato Brasileiro, nesta quarta-feira à noite, ao bater o Coritiba, por 3 a 1, no Estádio Serra Dourada, pela 20.ª rodada.

O goleiro Márcio, Agenor e Anselmo marcaram para o Atlético. Anderson Aquino descontou.

O time paranaense teve mais posse de bola, mas o time goiano foi mais eficiente. Na primeira etapa acertou o travessão duas vezes.

O primeiro gol do Atlético foi de pênalti, convertido pelo goleiro-artilheiro Márcio, aos 33 minutos. Foi o primeiro gol dele no Brasileiro, o 18º na carreira.

No segundo tempo, o Coritiba voltou determinado a empatar. Só que encontrou o Atlético bem mais aplicado na marcação.

Sendo assim, o Atlético chegou ao segundo gol. Após cobrança de escanteio a bola tocou no corpo do volante Agenor, que fez o gol sem querer.

Aos 40, Anderson Aquino descontou para o Coxa.

O Dragão ainda deu o golpe de misericórdia, aos 48 minutos. Anselmo escapou com liberdade, tirou Edson Bastos do lance e tocou para o gol vazio.

Essa nova vitória deixou o Atlético-GO com 28 pontos, em 9º. O Coxa continua com 26 pontos, em 12º.

O Atlético voltará a campo no sábado, diante do Fluminense, no Engenhão, no Rio de Janeiro. O Coritiba vai tentar a reabilitação, em casa, diante do líder Corinthians, domingo à tarde.

ATLÉTICO-GO 3 X 1 CORITIBA
Local: Serra Dourada, Goiânia. Data: 31/8/2011
Horário: 20h30
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)
Assistentes: José Chaves Franco Filho (RS) e Marcelo Bertanha Barison (RS)
Gols: Márcio 33'/1ºT, Agenor 18'/2ºT e Anselmo 48’/2T (Atlético);  Anderson Aquino 40'/2ºT (Coritiba)
Renda: R$ 49.945,00. Público: 3.146 pagantes

ATLÉTICO-GO: Márcio; Rafael Cruz, Gilson, Leonardo e Thiago Feltri (Adriano); Agenor, Pituca, Bida e Vítor Júnior (Joílson); Juninho (Diogo Campos) e Anselmo. Técnico: Hélio dos Anjos.

CORITIBA: Edson Bastos; Jonas, Pereira, Emerson e Lucas Mendes (Maranhão); Willian (Anderson Aquino), Leandro Donizete, Léo Gago e Rafinha; Marcos Aurélio (Everton Ribeiro) e Bill. Técnico: Marcelo Oliveira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário