Páginas

quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Sem perder pênalti Brasil é derrotado para a Alemanha

Neymar fez a sua parte
A pressão do técnico Mano Menezes aumentou.

Teve até olé na vitória da Alemanha sobre o Brasil por 3 a 2.

Na escalação inicial Mano inventou Fernandinho (volante) no lugar de Ganso. Ao mudar o esquema é uma prova que ele está perdido no comando da Seleção.

Será que ele tem argumentos para reverter essa situação?

Estou duvidando.

A CBF já pode avaliar essa questão.

Mano já está virando um treinador mais cabeça dura do que Dunga.

Insiste em André Santos e Fred. Esquece de Marcelo e Damião.

Ah... E teve uma evolução: Não perderam pênalti.

ALEMANHA 3 x BRASIL 2

Local: Mercedes Benz Arena, em Stuttgart
Data: 10/08/2011, às 15h45
Árbitro: Viktor Kassai (Hungria)

Alemanha: Neuer; Christian Träsch , Hummels, Badstuber e Lahm; Schweinsteiger (Rolfes), Kroos, Götze (Cacau) e Müller; Podolski (Klose) e Gómez (Schürrle). Técnico: Joachim Löw

Brasil: Julio César, Daniel Alves, Lúcio, Thiago Silva e André Santos (Luiz Gustavo); Ralf, Ramires e Fernandinho (Ganso); Robinho (Renato Augusto), Neymar e Alexandre Pato (Fred). Técnico: Mano Menezes

Gols: Schweinsteiger, aos 14 do segundo tempo; Götze, aos 21 do segundo tempo; Robinho, aos 26 do segundo tempo; Schürrle, aos 34 do segundo tempo; Neymar, aos 47 do segundo tempo

Nenhum comentário:

Postar um comentário