Páginas

domingo, 4 de setembro de 2011

Fluminense 3 x 2 Atlético/GO - Uma vitória em 8 minutos

He-Man fez o gol da vitória
O Fluminense acabou quebrando, de uma forma incrível, a sequência de cinco vitórias do Atlético/GO.

O Dragão, mandava no jogo, vencia por 2 a 0, até os 37 minutos do 2º tempo e o Fluminense acabou virando o placar e venceu por 3 a 2, na noite deste sábado, em Volta Redonda, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O Tricolor chegou a perder um pênalti com Rafael Moura, quando o Dragão ainda vencia por 1 a 0, e estava sendo muito vaiado pela torcida.

Com o resultado positivo, o Fluminense chegou à sétima posição, com 31 pontos ganhos, e já volta a sonhar com o G4 do Brasileirão. O Atlético, com 28, é o nono.

Abel Braga foi chamado de burro, o time, de sem vergonha.

No final foi aplaudido com o coro de "time de guerreiros".

O Atlético jogou uma grande partida. Dominou 80 minutos do jogo. Os últimos 10 foram do Fluminense com uma eficiência impressionante.

A chateação, principalmente do torcedor, pelas circunstâncias do jogo, é evidente. Mas não é o fim do mundo. Nada de sangria desatada.

Existe sempre, principalmente aqui em Goiás, diante das derrotas dos nossos times, a impressão que só fomos nós que perdemos, jamais lembramos que o outro time ganhou o jogo.

Precisamos aprender a perder também.

Do outro lado estava o Fluminense, o atual campeão brasileiro, favorito, em casa, diante da sua torcida, técnico campeão do mundo, Rafael Sóbis no banco. Éramos e somos azarões. O Dragão é o Davi contra um exército de Golias.

Temos que lembrar, depois desses últimos seis jogos, o fator positivo é que o Atlético/GO foi e é competitivo. Mas tem limitações.

O elenco do Atlético não é tão grande, foi extremamente exigido no mês de Agosto. Jogadores, um deles o Thiago Feltri, sentiram cansaço. A sequência de jogos foi muito dura.

O Atlético é uma realidade no Brasileiro, terá mais vitórias do que derrotas até o final do campeonato.

Esse grupo merece apoio e tranquilidade.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 3 X 2 ATLÉTICO-GO

Data: 03/09/2011
Horário: 18 horas
Local: Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ)
Árbitro: Célio Amorim (SC)
Assistentes: Ângelo Bechi (SC) e Marco Antonio Martins (SC)
Cartões amarelos: FLU: Mariano, Diogo, Edinho, Souza e Rafael Sóbis; ATLÉTICO: Rafael Cruz, Gilson, Agenor e Juninho.
Gols: Bida 10'/1ºT e Márcio 17'/2ºT (Atlético), Rafael Sóbis 38'/2ºT, Rafael Sóbis 42'/2ºT e Rafael Moura 45'/2ºT (Fluminense)
FLUMINENSE: Diego Cavalieri; Mariano, Gum, Digão e Marquinho; Diogo (Fernando Bob), Edinho, Souza e Lanzini; Ciro (Rafael Sóbis) e Rafael Moura.
Técnico: Abel Braga.
ATLÉTICO-GO: Márcio; Rafael Cruz, Gilson, Anderson e Thiago Feltri; Joílson (Renato Augusto), Bida, Agenor e Vitor Junior (Thiaguinho); Juninho (Diogo Campos) e Anselmo.
Técnico: Hélio dos Anjos.

Um comentário:

  1. Disse tudo Andre!!
    O DRAGAO nos orgulha muito na elite do futebol.

    ResponderExcluir