Páginas

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Morre Maurício Simões

Faleceu, aos 49 anos, o técnico Maurício Simões, que não resistiu ao infarto, que sofreu no último domingo, e morreu, na noite desta terça-feira em Aracaju.

Natural de Recife, José Maurício Fernandes Simões, ficou conhecido no futebol como Rei do Nordeste por ter conquistado 12 títulos estaduais naquela região.

Em 26 anos de carreira, Maurício passou por vários clubes tradicionais. Entre os principais estão, Central-PE, Santa Cruz-PE, ABC, Sergipe, ASA, Maranhão, Moto Club-MA, Ferroviário-CE, Confiança-SE, Treze-PB, Vila Nova, Campinense-PB e CRB.

No Picos, de Piauí, Maurício Simões foi Tricampeão Estadual (1994/1997/1998) e eleito o técnico do ano, em 1994 e 1997. A saga continuou no Sergipe, onde o treinador foi Tricampeão Estadual (95/96/2003) e ainda foi eleito o técnico do ano, em 1996.

Ainda no Estado, o Rei do Nordeste foi Tricampeão Sergipano (2001/2002/2004), desta vez, pelo Confiança. Para finalizar, Maurício Simões ainda ganhou o Campeonato Paraibano com o Campinense, em 2004, e com o Treze, em 2005 e 2006.

Em 2006, Maurício teve uma curta passagem pelo Vila Nova.

O que me veio à mente foi uma entrevista, ná Rádio 730, em que o saudoso Washington Luiz perguntou assim que ele foi contrtado pelo Vila Nova:

- Você aquele técnico que fuma na beira do campo?

- Sou sim. Disse Maurício, que era fumante compulsivo.

- Então vou te avisar: Você vai morrer... Disse Washington querendo alertá-lo.

Não sei se essa foi a causa. Mas isso contribui.

Pena que o futebol perde um bom sujeito e um excelente técnico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário