Páginas

domingo, 4 de dezembro de 2011

Ex-jogador Sócrates morre em SP

O futebol brasileiro está de luto. O médico e ex-jogador Sócrates de Oliveira morreu às 4h30 da madrugada deste domingo no Hospital Albert Einstein, em São Paulo. Ele tinha 57 anos e era pai de seis filhos. Segundo o hospital, a causa da morte foi um um choque séptico. Sócrates estava internado deste quinta-feira à noite, após passar mal durante o jantar, quando comeu estrogonofe.

Ele deu entrada no hospital com uma infecção intestinal, causada por uma bactéria. Esta tinha sido a terceira internação de Sócrates nos últimos quatro meses. As duas internações anteriores foram para tratar de uma hemorragia digestiva, causada pelo consumo prolongado de álcool.

A primeira vez que ele foi hospitalizado ocorreu no dia 19 de agosto, quando sofreu uma hemorragia digestiva alta. Na ocasião, ele recebeu alta após nove dias. A última internação havia sido em setembro. Foram 17 dias no hospital. Com o fígado comprometido, a expectativa na época era de que ele precisaria se reabilitar em casa, seguindo uma dieta rigorosa, para entrar na fila por um transplante. 

O quadro clínico dele chegou a apresentar leve melhora no sábado, graças a um antibiótico mais potente, que fez regredir o quadro de infecção intestinal. Mas os médicos já vinham alertando que o caso dele era grave – Sócrates estava sedado na UTI, respirando por aparelhos e passando por tratamento dialítico, que consiste na remoção do excesso de líquidos e substâncias prejudiciais acumuladas no organismo do paciente renal crônico. A expectativa era que ele permanecesse em observação por pelo menos 72 horas.

Sócrates começou a carreira de jogador no Botafogo, de Ribeirão Preto, foi contratado pelo Corinthians no fim da década de 70 e vendido para Fiorentina, da Itália, nos anos 80. Também jogou no Flamengo e no Santos.

Sócrates, na minha opinião, foi o maior jogador da história do Corinthians. Era um idealista, uma cabeça à frente do seu tempo.

No dia em que pode ganhar o seu 5º título, o Corinthians tem o dia mais triste da sua história.

Um comentário:

  1. o Brasil perde um grande homem com uma grande história!

    ResponderExcluir