Páginas

sábado, 28 de janeiro de 2012

Com facilidade Goiás vence o Vila Nova

Pouco mais de oito mil pagantes assistiram a vitória do Goiás por 3 a 1 no Vila Nova, no Serra Dourada.

O Goiás ganhou fácil.

Público pequeno. A principal causa é a violência entre torcidas organizadas.

Hoje torcedores do Vila chegaram a brigar entre eles mesmos. O motivo seria a rixa entre duas organizadas que torcem para o mesmo time. Essa foi, a princípio, a única ocorrência no Estádio.

O Goiás abriu o placar logo no início. David levantou para Ernando no segundo pau. O zagueiro ajeitou para Amaral, que completou para o gol. 1 a 0.

Aos 24 minutos, o Goiás chegou ao segundo gol. Felipe Amorim cruzou e Marcos Paulo cabeceou, Júlio César defendeu, mas deu rebote nos pés do próprio Marcos Paulo que fez o segundo. 2 a 0.

A melhor chance do Vila Nova no primeiro tempo foi aos 41 minutos. O atacante Dinei recebeu livre, cara a cara com Harlei, ao invés de chutar, tentou um passe totalmente tosco e desperdiçou a chance.

O Vila voltou para o segundo tempo um pouco mais aceso, aos 3 minutos, Rondinelly cobrou falta na área. A bola passou por todos e foi parar no fundo das redes do goleiro Harlei. 2 a 1.

Mas o Goiás era o dono do jogo, aos nove minutos, Egídio tabelou com Iarley, saiu na cara do goleiro Júlio César e fez o terceiro.

Terminou 3 a 1.

O Goiás jogou bem, mereceu a vitória. Iarley foi o melhor em campo.

O Vila Nova, pelo primeiro tempo contra o CRAC e o jogo contra o Rio Verde, poderia ter jogado melhor.

Mas há de ter paciência, o time está em formação, não pode entrar em crise pelo resultado. Agora é ir ajustando o que está errado. Se desesperar piora.

O Rondinelly foi o melhor do time.

Dinei foi o pior. Esse rapaz ou está fora de forma e ritmo ou não joga nada mesmo.

Na próxima rodada, o Vila Nova recebe a Anapolina, no primeiro jogo do time colorado no Onésio Brasileiro Alvarenga. O Goiás enfrenta o Itumbiara, no JK.


FICHA TÉCNICA:

GOIÁS 3X1 VILA NOVA
Data: 28/01/2012
Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Árbitro: Eduardo Tomaz
Assistentes: Fabrício Vilarinho e Édson Antônio
Gols: Amaral (6’/1T); Amaral (24’/1T); Patrick (3’/2T); Egídio (9’/2T)
Renda: R$ 132.005,00. Público: 8410

GOIÁS: Harlei; Peter, Rafael Toloi, Ernando e Egídio; Amaral, Marcos Paulo, Ricardo Goulart (Netinho) e David (Ramón); Felipe Amorim e Iarley. Técnico: Enderson Moreira

VILA NOVA: Júlio César; Nego, Rafael Vaz (Evandro), Rafael Pedro, Thiago Irineu (Marion) e Assis; Luís Marques, Ricardinho e Rondinelly; Dinei (Cairo) e Patrick. Técnico: Roberto Cavalo

Um comentário:

  1. Esse ano André Isac, tem tudo pra ser o campeonato mais emocionante de todos os tempos...!!!
    Dale Verdão...!!!

    ResponderExcluir