Páginas

terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

Morre Tulica, ex-Vila Nova e Atlético

Morreu na tarde desta terça-feira, aos 59 anos, o ex-jogador Tulica.

Alberto Soares de Araújo, o Tulica, um atacante com chutes perfeitos com ambos os pés, cabeceava como ninguém, teve participação destacada na conquista do Campeonato Goiano de 1979 no Vila Nova. O centroavante também atuou pelo Atlético-GO em 81.

Tulica foi o principal artilheiro da história do Santo André com 63 gols. Ele estava internado há quase um mês, passou por quatro cirurgias na perna esquerda e morreu à tarde no Hospital Municipal de Santo André.

Tulica estava com problemas de circulação em razão de diabetes e foi encaminhado ao HM de Santo André em 26 de janeiro. Duas semanas depois, foi transferido ao Mário Covas e recebeu alta na sexta-feira. No sábado, teve sangramento na perna esquerda e foi levado novamente ao Hospital Santo André, onde foi detectada anemia profunda.


Tulica, em destaque, em 81, no Dragão
Além do Santo André, Vila e Atlético, Tulica vestiu camisa de outros times como Fluminense, Centenário-PR, São Bento, Uberaba-MG, América-RN, Bragantino e Grêmio Mauaense, onde encerrou a carreira.

8 comentários:

  1. grande jogador morreu jovem,

    ResponderExcluir
  2. Um centroavante daqueles que não existem mais... um ser humano como poucos! Acima de tudo, um Andreense que carregava consigo o orgulho pela sua origem! Um ídolo! Que Deus o tenha em um bom lugar!

    ResponderExcluir
  3. André, publiquei no meu blog. Grande perda de um amigo e de um estupendo centroavante, com quem tive a oportunidade de jogar. Que Deus o tenha em bom lugar. Abraço, André.

    ResponderExcluir
  4. Grande Tulica, Meu Ex Treinador, Fica em Paz. By: Evandro , Wellington E Edgar.

    ResponderExcluir
  5. Grande Tulica, Meu Ex Treinador, Fica em Paz. By: Evandro , Wellington E Edgar.

    ResponderExcluir
  6. como torcedor do Vila Nova gostaria de acrescentar que no final da década de 70 todo Centro-Avante queria ser um Tulica no futebol Goiano e nimguém nunca usou a cabeça como êle.
    Obrigado por fazer parte dos domingos mais felizes da minha vida; Muito Obrigado pelos gols, títulos e ensinamentos.... Valeu e Paz Eterna.

    ResponderExcluir
  7. Também como torcedora do Vila Nova, estou muito triste, mas somos missionários aqui nesta terra e quando chega a hora temos que partir e essas tardes de domingo que o Fábio cita jamais irei esquecer tenho muitas saudades dos gol das reclamações do que o Tulica fazia que saudades. Até um dia ALBERTO SOARES ARAUJO (TULICA) Marise DF.

    ResponderExcluir
  8. Foi o maior ídolo e artilheiro do Grêmio Esportivo Mauaense.

    ResponderExcluir