Páginas

segunda-feira, 21 de maio de 2012

Ex-presidente diz que Vila vendeu jogo para o Sport


O pau quebrou nesta segunda-feira na Rádio 730.

Eduardo Barbosa, que foi afastado da Presidência Executiva do Vila Nova no inicio do mês, por suspeitas de atitudes ilícitas em sua gestão, em entrevista ao repórter  Pedro Henrique Geninho, fez graves acusações contra a atual diretoria do clube colorado.

O ex-presidente relatou que está revoltado com tudo o que está acontecendo no Vila Nova. Disse que é inocente e aquele blá-blá-blá todo.

Eduardo Barbosa, também disse que outro ex-presidente, Geso Oliveira, teria no ano passado pegado dinheiro do Sport para facilitar o jogo e o acesso à Série A. Eduardo disse que o Sport teria pago R$ 200 mil.

Geso negou e disse que vai processar Eduardo.

Dudu, disse que o Vila Nova é um cartel e que se voltar fará uma auditoria dos últimos cinco anos.

Opinião

Eduardo está tentando tumultuar depois que foi escurraçado do Vila. A sua gestão foi comprovadamente irregular. Só o documento que apareceu, assinado por ele, que facilitava a liberação do meia Rondinelly foi uma prova que as intenções de Dudu não eram as melhores.

A denúncia é grave mas a fonte não tem credibilidade.

O acusado também é todo enrolado, mesmo sendo ex-presidente, não sai de lá, parece uma alma penada.

Mas não acredito que o Vila tenha vendido o jogo.

No ano passado o Vila foi rebaixado, tinha um time horroroso, e, talvez, um dos melhores jogos tenha sido esse contra o Sport.

Nenhum comentário:

Postar um comentário