Páginas

quarta-feira, 17 de julho de 2013

Atlético-GO: desclassificação na Copa do Brasil pode dar vaga na Sulamericana

Hoje o Atlético se despede da Copa do Brasil.

Mesmo sendo o futebol uma "caixinha de surpresas", essa de vencer o Cruzeiro por 6 gols de diferença, nos padrões atuais, é impossível.

O Dragão vai tentar pelo menos vencer o jogo e suavizar um pouco a goleada sofrida em BH.

Vai entender a cabeça de treinador...

Em Belo Horizonte, no Mineirão, contra o poderoso Cruzeiro, o Atlético foi a campo com dois meias e dois atacantes.

Agora, no Serra Dourada, em casa, vai com três volantes e um atacante.

O atacante Diogo Campos vai ser escalado novamente na lateral direita. Com essa escalação, menos mal, por que se deduz que ele terá cobertura dos volantes e o Egídio do Cruzeiro não terá a avenida que teve no primeiro jogo.

Se vencer o Cruzeiro, mesmo desclassificando, a vitória pode dar confiança ao time na sequência da Série B.

E tem mais uma.

O Atlético pode ser um dos 8 representantes brasileiros na Copa Sul-Americana, para isso todos os nove times que tiveram melhor classificação que o Atlético na Brasileiro precisam passar de fase da Copa do Brasil.

Além, lógico, do Cruzeiro, se Flamengo, Internacional, Goiás, Criciúma, Ponte Preta, Botafogo, Atlético-PR e Santos, todos esses passarem, o Dragão será o 8º representante do Brasil na Sul-Americana.

É que nesse ano funciona da seguinte forma: Os classificados para são definidos entre eliminados até a terceira fase da Copa do Brasil. Os 8 clubes eliminados até a referida fase que tenham ficado entre os melhores no Campeonato Brasileiro de Futebol de 2012 serão indicados à competição sul-americana. Caso as 16 melhores equipes da Série A não sejam suficientes para completar as oito vagas, os quatro melhores da Série B completarão as vagas. Se ainda assim não for suficiente, serão convidados os clubes rebaixados na Série A. E é aí que entra o Dragão.

Essa combinação de resultados não é tão difícil, é muito meno improvável do que uma classificação do Atlético contra o Cruzeiro.

As maiores dificuldades estão nos confrontos da Ponte Preta e do Santos.

Confira como estão os confrontos:

Quarta-feira
19h30
Paysandu-PA x Atlético-PR (jogo de ida)
Criciúma-SC x Salgueiro-PE (0 x 0)
Atlético-GO x Cruzeiro-MG (0 x 5)

21h50
Flamengo-RJ x ASA-AL (2 x 0)
América-MG x Internacional-RS (1 x 3)
ABC-RN x Goiás-GO (0 x 3)

Quinta-feira
21h50
Luverdense-MT x Fortaleza-CE (0 x 0)

Quarta-feira 24/07
19h30
Atlético-PR x Paysandu-PA (jogo de volta)
21h30
Nacional-AM x Ponte Preta-SP (1 x 0)
21h50
Crac-GO x Santos-SP
Figueirense-SC x Botafogo-RJ (0 x 1)

Nenhum comentário:

Postar um comentário