Páginas

domingo, 7 de julho de 2013

Vila Nova: Invenção na escalação, pênalti perdido e derrota.

O Vila Nova perdeu para o Mogi Mirim por 1 a 0 pela Série C. Poderia ter empatado se o atacante Frontini não tivesse desperdiçado um pênalti.

O atacante colorado assumiu a culpa pela derrota.

Mas essa pode ser debitada na conta do treinador.

Márcio Bittencourt preparou o time com o atacante Gustavinho no lugar de Marco Aurélio que está machucado.

Mas a escalação apareceu com o zagueiro Alisson, recém-contratado que jogou poucas partidas esse ano pelo Ituano.

Com Frontini isolado no ataque o Vila não levava perigo, tomou o gol no primeiro tempo e o goleiro Marcelo Pitol era o jogador que mais se destacava, evitando mais gols.

No segundo tempo, o técnico Márcio Bittencourt colocou o jogador que ele dizia não confiar, Gustavinho entrou no lugar de Alisson.

Com pouco tempo em campo o garoto sofreu pênalti, Frontini bateu e o goleiro Alex Alves do Mogi defendeu.

O Vila perdeu o jogo e saiu do G4.

O erro na escalação foi gritante, o Vila treina um mês com uma formação tática e treinador inventa na hora do jogo. Poderia ter perdido com Gustavinho como titular, mas pelo menos teria sido coerente e o jogo mostrou que ele estava errado.

O treinador, teimosamente, disse que a entrada de Alisson melhorou o time e ao mesmo tempo ressaltou que o melhor ataque que o Vila fez no jogo foi com Gustavinho. Como assim?

Com a vitória, o Mogi Mirim foi a seis pontos e pula para a terceira posição no grupo B. Já o Vila Nova com quatro pontos e caiu para a sexta colocação

Pela quarta rodada, o Vila Nova enfrenta o Crac, no próximo sábado, às 19 horas, no estádio Serra Dourada, em Goiânia. O Mogi Mirim joga no domingo (14), contra o Caxias, no Centenário, às 16 horas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário