Páginas

quinta-feira, 11 de abril de 2013

Começa a troca de notas para o final de semana


A Federação Goiana de Futebol (FGF) inicia nesta quinta-feira (11) as trocas de notas fiscais por ingressos da promoção Nota Show de Bola para os jogos da 8ª Rodada do 2º Turno do Goianão Chevrolet 2013, penúltima da Primeira Fase da competição. Os postos de troca para todas as partidas estarão localizados nos estádios dos clubes que serão mandantes.

Para obter ingressos para os jogos os torcedores devem apresentar no posto de troca de cada partida R$200 em notas fiscais emitidas no estado em 2013 com mais a doação de um quilo de alimento, que deve ser necessariamente arroz, feijão macarrão ou óleo. A promoção Nota Show de Bola é realizada pela Federação Goiana de Futebol em parceria com o Governo de Goiás.


Partida: CRAC X Vila Nova
Estádio: Genervino da Fonseca
Data/Horário: 14/04 – Domingo – 16:00 horas
Posto de troca:

Estádio Genervino da Fonseca
Rua Araguaia S/N.º - Centro – Catalão

Data / Horário:
Quinta-feira – 11/04 – 9 às 17 horas
Sexta-feira – 12/04 – 9 às 17 horas

Partida: Goianésia X Itumbiara
Estádio: Valdeir José de Oliveira
Data/Horário: 07/04 – Domingo – 16:00 horas
Postos de troca:

Estádio Valdeir José de Oliveira
Rua 06 N.º 19 – Setor Sul – Goianésia

Data / Horário:
Quinta-feira – 11/04 – 9 às 17 horas
Sexta-feira – 12/04 – 9 às 17 horas

Partida: Goiás X Grêmio Anápolis
Estádio: Serra Dourada
Data/Horário: 14/04 – Domingo – 16:00 horas
Postos de troca:

Estádio Hailé Pinheiro
Avenida Edmundo Pinheiro de Abreu N.º 721 – Setor Bela Vista – Goiânia

Data / Horário:
Quinta-feira – 11/04 – 9 às 17 horas
Sexta-feira – 12/04 – 9 às 17 horas


Partida: Rio Verde X Aparecidense
Estádio: Mozart Veloso do Carmo
Data/Horário: 07/04 – Domingo – 16:00 horas
Posto de troca:

Estádio Mozart Veloso do Carmo
Rua 05 S/Nº. – Vila Amália – Rio Verde

Data / Horário:
Quinta-feira – 11/04 – 9 às 17 horas
Sexta-feira – 12/04 – 9 às 17 horas

Partida: Anápolis X Atlético Goianiense
Estádio: Jonas Duarte
Data/Horário: 15/04 – Segunda-feira – 20:30 horas
Posto de troca:

Estádio Jonas Duarte
Avenida Brasil Sul S/N.º - Jardim Gonçalves - Anápolis

Data / Horário:
Quinta-feira – 11/04 – 9 às 17 horas
Sexta-feira – 12/04 – 9 às 17 horas
Segunda-feira – 15/04 – 9 às 17 horas

Fonte: Ítalo Ramalho, Assessoria de Comunicação da FGF.

Copa do Brasil, 24 jogos, 9 classificados


A noite de quarta-feira foi marcada por 24 jogos válidos pela primeira fase da Copa do Brasil. No total, nove clubes garantiram vagas para a segunda fase, juntando-se a Ponte Preta e Internacional-RS que tinham se classificado na semana passada.

Três clubes confirmaram suas vagas nos jogos de volta. O Nacional-AM atingiu os seis pontos ao vencer o Águia, no Pará, por 2 a 1. No jogo em Manaus tinha vencido por 2 a 0. No Recife, o Santa Cruz também conseguiu a segunda vitória sobre o Guarani, de Juazeiro do Norte (CE), por 2 a 0. Na ida tinha batido o adversário por 2 a 1. Em Fortaleza, o Ceará venceu o Ceilândia-DF, por 4 a 3, e terminou com quatro pontos porque tinha empatado no Distrito Federal em zero a zero.

Resultados:

Copa do Brasil - 1.ª fase

1ª rodada – Jogos de ida

Quarta-feira

Tupi-MG 1 x 0 Luverdense-MT
Confiança-SE 1 x 0 Guarani-SP
Oratório-AP 1 x 3 Goiás-GO *
Arapongas-PR 1 x 0 São Caetano-SP
Gurupi-TO 2 x 3 América-MG
Santa Cruz-RN 0 x 0 ASA-AL
Salgueiro-PE 2 x 0 Boa Esporte-MG
Volta Redonda-RJ 1 x 0 Avaí-SC
Luziânia-DF 0 x 0 Fortaleza-CE
Desportiva-ES 1 x 4 Figueirense-SC *
Aracruz-ES 1 x 1 Joinville-SC
Cametá-PA 0 x 7 Atlético-GO *
Campinense-PB 0 x 1 Sampaio Corrêa-MA
São Raimundo-RR 0 x 2 Paysandu-PA *
Ji-Paraná-RO 0 x 1 América-RN
Fast Clube-AM 1 x 1 CRB-AL
Mixto-MT 2 x 1 Vitória-BA
Crac-GO 3 x 1 Náutico-PE
CSA-AL 0 x 3 Cruzeiro-MG *
Flamengo-PI 2 x 2 Santos-SP
Águia Negra-MS 0 x 2 Bragantino-SP *

2.ª rodada – Jogos de volta

Águia-PA 1 x 2 Nacional-AM (primeiro jogo 0 x 2) *
* Santa Cruz-PE 2 x 0 Guarani-J-CE (primeiro jogo 2 x 1)
* Ceará-CE 4 x 3 Ceilândia-DF (primeiro jogo 0 x 0)

* Classificados à segunda fase

Futebol goiano 100% na estreia da Copa do Brasil


Os goianos fizeram bonito nas suas estreias na Copa do Brasil 2013. Goiás e Atlético eliminaram os seus adversários e não precisarão do jogo de volta. O Crac venceu o seu primeiro jogo e terá vantagem no jogo de volta.

O Dragão, confirmando a sua boa fase, atropelou o Cametá/PA, aplicando 7 a 0. Robston e John Lennon fizeram dois gols cada. Ernandes, Caio e Willian Barbio completaram essa que foi a maior goleada até agora na Copa do Brasil. O time dá a esperança que pode dar muitas alegrias aos torcedores rubro-negros nesta temporada.

O Goiás enfrentou algumas dificuldades, o Oratório abriu o placar com um gol que teria sido irregular, a bola não teria entrado. A arbitragem foi também questionada por ter marcado um impedimento irregular de Renan Oliveira.  No segundo tempo o Goiás virou o jogo com dois gols de Walter e um do estreante Hugo de pênalti. Pênalti que também foi duvidoso na opinião do próprio técnico Enderson Moreira. O placar ficou 3 a 1 para o Goiás.

Para fechar a noite de vitórias o Crac venceu o Náutico, em casa, por 3 a 1. Com dois gols dele, sempre ele, Pantico e um de Bruno Alves, o time pernambucano descontou com Alcides. O representante goiano poderá se classificar até perdendo, por um gol de diferença, no jogo de volta, na quinta-feira da semana que vem, em Recife, no Estádio dos Aflitos.

Próximos adversários:

O Goiás vai enfrentar o vencedor do confronto entre Santo André/SP e Veranópolis/RS. No primeiro jogo o Veranópolis venceu em casa por 1 a 0.

Sairá de Grêmio Barueri/SP x Cianorte/PR o adversário do Atlético na próxima fase. No primeiro jogo, em casa, o Cianorte venceu por 2 a 1.

Se passar pelo Náutico o Crac enfrentará o vencedor do confronto entre Bangu/RJ e Betim/MG. O Betim é o antigo Ipatinga que venceu o primeiro jogo, fora de casa, por 2 a 1.

terça-feira, 9 de abril de 2013

Com força máxima, Dragão enfrenta o Cametá-PA pela Copa do Brasil


O Atlético-GO fará a sua estreia na Copa do Brasil nesta quarta-feira contra o Cametá. O duelo entre o atual vice-campeão goiano e o campeão paraense será no Estádio Parque do Bacurau, às 20h30, em Cametá.

O técnico Waldemar Lemos vai manter a mesma equipe que empatou com o Goiás no último sábado pelo Campeonato Goiano.

O Cametá foi fundado em 2005, virou time profissional em 2009 e foi campeão Paraense do ano passado. Não fez um bom campeonato estadual esse ano. Dispensou alguns jogadores e contratou outros. Se não for desclassificado no primeiro jogo poderá trazer mais reforços para o jogo de volta. Um deles deve ser o atacante Fábio Oliveira, ex-Atlético-GO, artilheiro e campeão goiano pelo Dragão em 2007.

No Mapará (peixe, mascote do Cametá), está o atacante Landu, campeão Goiano pelo Itumbiara em 2008.

Palpite: Classificação do Atlético


FICHA TÉCNICA

CAMETÁ-PA X ATLÉTICO-GO

Local: Parque do Bacurau (foto), Cametá (PA)

Data/hora: 10/4/2013 – 20h30 (de Brasília)

Árbitro: Antônio Dib Moraes de Sousa (PI)

Auxiliares: Enoque Costa Pacheco (AP) e Roberto Soares dos Santos Jr. (AP)

CAMETÁ: Labilá; Américo, Filho, Guará e Souza; Wilson Guerreiro, Sandro, Franklin e Vélber; Landu e Alex Pedroso – Técnico: Ferreti.

ATLÉTICO-GO: Márcio; John Lennon, Gilson, Diego Giaretta e Leonardo; Dodó, Ernandes, Robston e João Paulo; Pipico e Ricardo Jesus – Técnico: Waldemar Lemos.

Poupando jogadores Goiás enfrenta o Oratório-AP pela Copa do Brasil


O Goiás estreia nesta quarta-feira na Copa do Brasil contra o modesto Oratório do Amapá, em Macapá.

A cidade vive a expectativa de receber um time da primeira divisão do futebol brasileiro.

O Oratório faz jus ao nome, foi fundado por padres em 1969. No início, os jogadores tinha que assistir as missas sob pena de não poderem jogar.

O time é jovem, os jogadores mais velhos tem 24 anos. O técnico, André Tabosa, é fã de carteirinha do técnico Enderson Moreira e se orgulha de um dia ter assistido uma palestra do treinador esmeraldino.

Enderson Moereira poupará cinco jogadores nesse jogo: o goleiro Harlei, o zagueiro Rodrigo, o lateral-esquerdo William Matheus, o meia Ramon e o atacante Neto Baiano. Em seus respectivos lugares entram Renan, Valmir Lucas, Eron, Eduardo Sasha e Wálter.

??????

Não consigo entender o motivo de poupar tantos jogadores nesse jogo. Já que o Goiás, com a primeira posição garantida, cumpre tabela no estadual. Os teoricamente cansados poderiam "folgar" nas duas próximas rodadas do Goianão.

Palpite: Goiás se classifica.

FICHA TÉCNICA
ORATÓRIO-AP X GOIÁS

Local: Glicério Marques, Macapá (AP)
Data/hora: 10/4/2013 – 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Wasley do Couto (PA)
Auxiliares: Márcio Gleidson Correia Dias (PA) e Rafael Bastos Cardoso (PA)

ORATÓRIO: Paulo Henrique; Emerson, Lima, Ciro, Ramon; Júnior, Gegê, Danilo; Jonatan, Fábio e Nilson (Ruan) – Técnico: André Tabosa.

GOIÁS: Renan; Vitor, Ernando, Valmir Lucas e Eron; Amaral, Dudú Cearense, David, Renan Oliveira e Eduardo Sasha; Wálter – Técnico: Enderson Moreira.

Pausa no Goianão: Crac enfrenta o Náutico pela Copa do Brasil


A prioridade é se manter na primeira divisão do Goianão. A diretoria chegou a anunciar premiação especial para o jogo de domingo do Vila Nova. Mas, mesmo assim o Crac quer fazer bonito contra o Náutico pela Copa do Brasil.

O técnico Hemerson Maria não poupará nenhum jogador.

Ao contrário do Crac, que vem de duas vitórias, o Náutico vem de duas derrotas e queda de treinador.

Vagner Mancini, mesmo ganhando o 1º turno, não resistiu aos resultados negativos.

O time será comandado pelo auxiliar Levi Gomes. Sem muito tempo para treinar, Levi declarou que não pretende fazer nenhuma mudança no time para o jogo desta quarta.

Palpite: CRAC

FICHA TÉCNICA
CRAC-GO X NÁUTICO

Local: Genervino Fonseca, Catalão (GO)
Data/hora: 10/4/2013 – 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Alinor Silva da Paixao (MT)
Auxiliares: Daniel Henrique da Silva Andrade (DF) e José Araújo Sabino (DF)

CRAC: Aleks, Carlos Sales, Bruno Alves, João Paulo e Rodrigo Crasso; Coquinho, Washington, William Amendoim e Marcelo Kilder; Pantico e Danilo. Técnico – Hemerson Maria.

NÁUTICO: Felipe; Auremir, Alison, Alcides, Bruno Collaço; Rodrigo Souto, Martinez, Giovanni Augusto, Marcos Vinícius; Rogério e Élton – Técnico: Levi Gomes.

Federação muda data do jogo Anápolis x Atlético\GO


A Federação Goiana de Futebol transferiu a partida entre Anápolis e Atlético de domingo para segunda-feira (15/04), às 20h30, no estádio Jonas Duarte, em Anápolis, pela oitava rodada do segundo turno do Campeonato Goiano.

Logo, na imprensa, surgiu a questão: Quem ganha e quem perde com essa mudança.

Para Crac e Vila Nova, que jogam domingo, concorrentes do Anápolis na luta contra o rebaixamento, e também para o Rio Verde é indiferente. Saber ou não o que está acontecendo nesse jogo não altera a necessidade que os três tem de vitória.

Por outro lado, eles torcem para que o Anápolis tropece. Neste ponto, teoricamente, terão uma ventagem.

O Atlético terá tempo para se recuperar de uma viagem desgastante. O Dragão jogará em Cametá, interior do Pará, onde terá até viagem de balsa para chegar na cidade.

Um pouco mais descansado, em tese, o Rubro-negro terá mais chances de vencer.

Por estes raciocínios o Anápolis é quem perde.

A mudança foi para atender a grade de de um canal fechado.

Lembrando que o regulamento não prevê que todos os jogos da penúltima rodada da fase sejam no mesmo horário.

O "praxe" é adotar essa medida na última rodada.

Presidente do Goiás fala sobre polêmicas


O presidente do Goiás, João Bosco Luz, explicou em entrevista coletiva as situações polêmicas que o Clube esteve envolvido no último final de semana.

A atitude do presidente foi importante. Essa deve ser a postura de todos os comandantes quando os times estão nessas situações.

Na entrevista que durou mais de 30 minutos, João Bosco respondeu várias perguntas em relação aos episódios envolvendo o técnico Enderson Moreira e o atacante Neto Baiano.

Sobre Neto Baiano, o presidente disse que ele não estava embriagado, mas que ele havia consumido bebida alcoólica na noite de sábado. João Bosco disse que não havia nenhum impedimento neste sentido já que o jogador de folga e acompanhado de familiares. O presidente afirmou que o jogador não se envolveu em nenhuma briga e que o caso foi totalmente acompanhado por advogados do Goiás.

Penso que internamente o jogador deve ter sido no mínimo orientado a tomar cuidado com essas situações.

Neto Baiano já admitiu em outras oportunidades de ter feito muita "coisa errada" na vida. Que depois de ter se casado o seu comportamento teria mudado. O jogador, quando atuou na Ponte Preta, chegou a ser conhecido como "Imperador caipira", não só pela semelhança no estilo de jogo e a estatura do famoso jogador Adriano, mas também pela fama de baladeiro. Neto, de uns dois anos pra cá, mudou mesmo, passou a fazer mais gols e conseguiu bons contratos.

Acredito que o Goiás age certo ao dar esse voto de confiança.

Sobre a discussão entre o técnico Enderson Moreira e o repórter Fernando Lima, da Rádio Difusora, o presidente disse que o treinador do Goiás tem uma função desgastante no clube, cercada de pressões e responsabilidades. Isso poderia ter gerado um momento de stress, que teria motivado a reação do treinador diante da discussão. João Bosco preferiu não discutir quem estava certo ou errado e garantiu que o problema está superado. Não haverá nenhuma mudança no trato com a imprensa.

Conhecendo o presidente e as partes envolvidas era nesse desfecho que eu acreditava.

Vida que segue...

segunda-feira, 8 de abril de 2013

Itumbiara: Uma lição de como não se deve fazer futebol


Semifinalista em 2007.

Campeão em 2008.

Semifinalista em 2009.

Penúltimo e rebaixado em 2010.

Vice-campeão da 2ª em 2011.

5º em 2012.

Último e rebaixado em 2013.

O Itumbiara foi o time do interior de Goiás que mais investiu nos últimos anos.

Investiu em jogadores rodados. Grandes contratações passaram por lá nesse período, como por exemplo o meia Geraldo e o atacantes Denílson. Jogadores que receberam adiantado, não conseguiram jogar e saíram antes do campeonato terminar.

Foi muito dinheiro gasto para ter um título e dois rebaixamentos. Grana que vinha de uma boa promoção interessante que incentiva o pagamento de IPTU, com o comprovante o torcedor tinha direito a entrar no estádio e ver uma ilusão.

Na maioria das vezes viram jogadores sem compromisso e identificação com o clube e a cidade. Boleirada que contava os dias para o campeonato acabar e ir embora. Isso, sem contar os baladeiros que faltava pouco beberem o Paranaíba.

O Itumbiara não conseguiu manter uma base, não investiu em um campeonato nacional para ter calendário, não revelou jogadores.

O clube não tem um site oficial.

Não participa de nenhum campeonato de categorias de base da FGF. Competições que CRAC, Rio Verde, Goianésia, Umuarama de Iporá e muitos outros times do interior tentam revelar jogadores.

Nunca teve um planejamento a longo prazo e nem coerência em contratações.

O investimento "pirotécnico" buscava mais holofotes do que resultados.

Todos sabiam, inclusive eles, que não tinha como dar certo.

Uma tragédia anunciada...

Uma missão para o Super-Zé Gomes aparecer e salvar a time, ou, salvar o time e aparecer.


domingo, 7 de abril de 2013

Vila Nova perde e aumenta risco de rebaixamento

Já era esperado. O Vila Nova perdeu para o Goianésia por 3 a 2.

A novidade foi a atuação do Vila. O time teve muita raça, criou jogadas de ataque e teve chances de vencer.

Mas não foi suficiente. O Goianésia, mais experiente e adaptado às condições do seu campo, conseguiu vencer o jogo.

Agora apertou. Os resultados não ajudaram o Vila. Rio Verde e Anápolis venceram seus jogos e passaram o Vila.

O Crac também venceu, tem 17 pontos e saldo negativo de onze gols. O Vila tem os mesmo 17 pontos e só está na frente por causa do saldo negativo de nove gols.

O risco de rebaixamento agora é enorme para o Vila. O time terá como próximo adversário o Crac, em Catalão. Na última rodada, enfrentará o Rio Verde em casa.

Já duvidamos há dez anos atrás que o Atlético cairia. Agora outro grande do estado corre risco de cair.

Podem acreditar (principalmente jogadores e dirigentes), o Vila é o que tem mais risco de rebaixamento neste momento.

O Vila não é favorito em Catalão. Contra o Rio Verde tem um leve favoritismo.

Serão duas decisões.

Só com muita superação para vencer esses jogos.

O rebaixamento traria um prejuízo incalculável. Esse sim é o fundo do poço.

Atacante do Goiás é preso na madrugada


A madrugada de Neto Baiano, atacante do Goiás, foi agitadíssima. Teve acidente, briga, embriaguez e prisão.

Por volta de 2 da manhã o jogador perdeu a direção do seu carro e subiu em uma ilha na esquina das avenidas 146 e 136 no Setor Marista. Neto estava com a esposa e outros familiares.

Logo depois a PM chegou no local. Neto Baiano não aceitou fazer o exame do bafômetro. Discutiu e foi às vias de fato com um policial.

Acabou algemado, colocado na viatura e foi levado ao 8º DP.

Nos exames no IML ficou constatado que o jogador estava embriagado.

Neto Baiano pagou fiança e foi liberado às 7 da manhã.

Opinião:

Pelo histórico do jogador, esse parece ter sido um fato isolado na carreira.

A diretoria do Goiás ainda estuda o que vai fazer. Afinal, o Neto Baiano também representa o nome do clube.

Pode ser contornado.