sábado, 18 de maio de 2013

Análise e seleção da final do Goianão


Neste domingo vamos conhecer o campeão da edição 70 do Goianão.

Na minha opinião é uma decisão sem favorito.

Pela vantagem do empate as maiores chances são do Goiás. Mas não imagino o time esmeraldino jogando pra empatar.

Waldemar Lemos terá que usar uma tática mais ousada do que no último jogo.

O Atlético vem jogando melhor. O Goiás tem melhores opções no banco.

A arbitragem será de Wilton Pereira Sampaio, o melhor do Brasil.

Por esses fatores a previsão é de um grande jogo.

O público deve ultrapassar os 20 mil pagantes, mas não deve se aproximar dos 30 mil que seria o aceitável para uma final desse porte. Com a final na TV e o temor de violência muita gente que gostaria de ir prefere ficar em casa.

Escalações:

Waldemar Lemos repete a escalação do Atlético.

Enderson Moreira disse que pode mudar a escalação em relação ao último jogo. Não acredito nessa hipótese.

O Atlético, vai jogar com Márcio, Jonh Lennon, Ednei, Diego Giaretta e Leonardo; Dodó, Ernandes, Róbston e João Paulo; Pipico e Ricardo Jesus.

O Goiás deve ir para a final com: Harlei; Vítor, Ernando, Valmir Lucas e William Matheus; Amaral, Thiago Mendes, Ramon, Renan Oliveira e Eduardo Sasha; Walter.

Minha seleção da final:

Harlei, John Lennon, Ernando, Diego Giaretta e Leonardo; Amaral, Thiago Mendes, João Paulo; Walter, Ricardo Jesus e Pipico. Técnico: Enderson Moreira.

6 a 6.

Obs.: Minha seleção é pelo que os jogadores estão fazendo no Goianão 2013.

Técnico começa a definir o Vila para a Série C


A estreia do Vila Nova na Série C está bem próxima. Será no dia 2 de junho, um domingo, contra o Grêmio Barueri, no estádio Serra Dourada, em Goiânia, às 16h20.

Até agora, além do técnico Márcio Bittencourt, foram contratados 6 jogadores.

Boas contratações:

O goleiro Marcelo Pitol é muito bom; o meia Wesley é um jogador eficiente, vencedor e profissional; o atacante Frontini sabe fazer gols, para a Série C vai ajudar.

Apostas:

O lateral direito Gian é desconhecido; os zagueiros Douglas Assis e Diego Macedo jogam há um ano juntos, foram bem na Série C do ano passado e mal no carioca desse ano pelo Macaé.

Base

Márcio Bittencourt, no treino da última sexta-feira começou a esboçar a equipe titular: Toni, Gian, Douglas Assis, Diego Macedo e Alan; Alexandre Carioca, Osmar, Wesley e Thiago Marin; Marco Aurélio e Frontini.

Mais duas semanas de treino serão suficientes para Marcelo Pitol entrar nesse time.

Teoricamente essa base tem tudo para ser boa. Outros fatores precisam ser levados em conta, como condições de trabalho, salários em dia e um planejamento de premiações para os objetivos do clube na série C.

quinta-feira, 16 de maio de 2013

Goiás pode contratar Valdívia


Valdívia tem 20 anos, nasceu no Rio de Janeiro, foi revelado pelo próprio Asa. O nome verdadeiro do jogador é Caique Ferreira da Silva Leite.

Alguém, não sei por quê, o achou parecido com o Valdívia do Palmeiras e lhe deu esse apelido.

Enderson Moreira admitiu o interesse no jogador.

O técnico do Goiás vê potencial no meia da equipe alagoana.

Valdívia jogou muito pouco esse ano, se machucou em um amistoso em janeiro, foi submetido a uma cirurgia no joelho e sua recuperação durou 4 meses.

O Valdívia "genérico" tem moral em Arapiraca-AL, fez um bom estadual no ano passado e também se destacou na Série B.

Se vier, é um jogador para ser trabalhado, não um reforço.

Crac se classifica. Futebol goiano 100% na Copa do Brasil


22 times estarão na 4ª fase da Copa do Brasil.

Entre eles estarão três Goianos.

O Atlético, que eliminou o Cianorte-PR, aguarda o vencedor do confronto entre Cruzeiro e Volta Redonda.

O Crac, na noite desta quarta, venceu o Betim, fora de casa, por 1 a 0. No primeiro jogo o Crac havia vencido por 3 a 2.

O Leão do sul tomou pressão, bola na trave, mas não se intimidou contra o ex-Ipatinga, que agora é de Betim, que manda jogos em Sete Lagoas e que quis jogar essa partida em Nova Serrana-MG.

Agora, o time goiano aguarda o vencedor do confronto entre Santos e Joinville, que jogarão na quarta-feira, dia 22, às 22h, na Vila Belmiro. Na primeira partida, em Santa Catarina, a vitória foi santista, por 1 a 0.

Parabéns ao futebol goiano.

Goiás se classifica com show de Araújo


Araújo voltou com estilo. Na noite desta quarta pela Copa do Brasil ele só não fez chover no Serra Dourada.

O eterno ídolo esmeraldino participou dos principais momentos do jogo.

Passes, dribles e arrancadas que deram a impressão de que Araújo não estava voltando e sim que não teria saído.

Ele não fez gol. Mas quem viu o jogo nem sentiu falta disso.

O chapéu que Araújo aplicou no zagueiro do Santo André e o cruzamento na cabeça de Júnior Viçosa, deram origem ao gol da classificação do Goiás. Terminou 1 a 0, no primeiro jogo o Verdão tinha vencido por 3 a 2.

Agora, o time esmeraldino espera pelo vencedor do duelo entre Sport e ABC. O time potiguar venceu o confronto de ida em Natal por 2 a 0. A partida de volta acontece na próxima quarta-feira (22), em Recife.

terça-feira, 14 de maio de 2013

Felipão não convoca Ronaldinho Gaúcho


A comissão técnica da Seleção Brasileira não confia em Ronaldinho Gaúcho.

O jogaram na fogueira no primeiro amistoso do ano quando ele vinha de férias.

Nos outros jogos, se não brilhou, ele não foi muito diferente que a maioria.

Se jogar mal em amistosos fosse critério, não teria muita gente para convocar.

Ronaldinho não tinha que convencer só o Felipão. O problema maior está em Parreira.

Em 2006, Ronaldinho estava no auge, mas decepcionou na Copa da Alemanha, na Seleção de Parreira. Isso o auxiliar técnico de Felipão não esquece.

Se Ronaldinho falta, o nome de Luiz Gustavo é que não deveria estar. O reserva do Bayern no lugar do melhor jogador em atividade do futebol brasileiro.

Felipão chamou pra si a responsabilidade. Assumiu um risco. Se não ganhar a Copa das Confederações será responsabilizado.

No mais... Convocação normal.

GOLEIROS:
Julio Cesar - QPR/ING
Jefferson - Botafogo
Diego Cavalieri - Fluminense

LATERAIS:
Daniel Alves - Barcelona/ESP
Jean - Fluminense
Filipe Luis - Atlético de Madri/ESP
Marcelo - Real Madrid/ESP

ZAGUEIROS:
Thiago Silva - PSG/FRA
Réver - Atlético-MG
David Luiz - Chelsea/ING
Dante - Bayern de Munique/ALE

MEIO-CAMPISTAS:
Lucas - PSG/FR
Oscar - Chelsea/ING
Fernando - Grêmio
Hernanes - Lazio/ITA
Luiz Gustavo - Bayern de Munique/ALE
Jádson - São Paulo
Paulinho - Corinthians

ATACANTES:
Neymar - Santos
Bernard - Atlético-MG
Leandro Damião - Internacional
Fred - Fluminense
Hulk - Zenit/RUS

segunda-feira, 13 de maio de 2013

FGF disponibiliza 15 mil ingressos na promoção Nota Show de Bola


A Federação Goiana de Futebol (FGF) realiza na próxima quinta e sexta-feira, 16 e 17 de maio, as trocas de notas fiscais por ingressos da promoção Nota Show de Bola para a segunda partida da Final do Goianão Chevrolet 2013, Goiás X Atlético Goianiense. A partida será disputada no domingo (19), às 16 horas, no estádio Serra Dourada e define o campeão da competição.

Os postos de troca funcionam nos estádios Hailé Pinheiro e Antônio Accioly em ambas as datas das 9 às 19 horas, ou enquanto durarem os ingressos. Nesta semana, para facilitar o acesso dos torcedores, serão acrescentados duas horas no período de funcionamento. Ao todo a FGF irá disponibilizar 15 mil ingressos, divididos igualmente entre os locais.

Para obter ingressos para os jogos os torcedores devem apresentar no posto de troca de cada partida R$200 em notas fiscais emitidas no estado em 2013 com mais a doação de um quilo de alimento, que deve ser necessariamente arroz, feijão macarrão ou óleo. A promoção Nota Show de Bola é realizada pela Federação Goiana de Futebol em parceria com o Governo de Goiás.

Partida: Goiás X Atlético Goianiense
Estádio: Serra Dourada
Data/Horário: 19/05 – Domingo – 16:00 horas
Postos de troca:

Estádio Hailé Pinheiro
Avenida Edmundo Pinheiro de Abreu N.º 721 – Setor Bela Vista – Goiânia

Estádio Antônio Accioly
Avenida Perimetral N.º 921 - Setor Campinas – Goiânia

Data / Horário:
Quinta-feira – 16/05 – 9 às 19 horas
Sexta-feira – 17/05 – 9 às 19 horas

Fonte: Ítalo Ramalho, Assessoria de Comunicação da FGF

Atlético 0 x 0 Goiás. Destaque para os lances polêmicos

Atlético e Goiás fizeram um jogo cuidadoso. As defesas se destacaram mais do que os ataques.

João Paulo, do Atlético, e Walter, do Goiás, tiveram atuações discretas.

O Goiás teve mais posse de bola no primeiro tempo, o Atlético no segundo.

Não foi um bom jogo. Longe da capacidade dos dois times.

O Goiás foi mais ousado, o Atlético mais precavido.

Deixaram futebol para o segundo jogo.

O grande destaque (negativo) da primeira partida foram os lances polêmicos.

Dois lances de ataque do Goiás que poderiam ser marcados dois pênaltis.

Infelizmente, nesse item da regra de tocar a mão na bola o árbitro tem a liberdade de interpretar ou não a intenção, logo a marcação é subjetiva.

Na minha opinião o Goiás foi prejudicado, pelo menos no primeiro lance, pois a bola tinha direção ao gol.

No segundo, pode-se interpretar como involuntário. Eu interpretei assim.

Mas há de se admitir uma coisa:

Se nos dois lances tivessem sido marcados os pênaltis não teria polêmica.

Também acredito, que se fosse o Wilton Sampaio marcaria os dois.

Veja os lances:





domingo, 12 de maio de 2013

Começa a decisão do Goianão

Goiás e Atlético começam a decidir hoje a edição 70 do Goianão.

Na minha opinião não tem favorito. 

A vantagem do Goiás, de dois resultados iguais, pode fazer a diferença. 

O bom futebol do Atlético, mais convincente e equilibrado do momento, pode fazer a diferença. 

Até agora aconteceram dois empates entre Goiás e Atlético no campeonato. O Dragão ainda estava se ajustando e o Goiás não teve Walter nos dois jogos. 

Walter pode decidir para o Goiás, João Paulo pode desequilibrar para o Atlético. 

O ataque do Verdão poderia ser melhor se Neto Baiano já estivesse jogando o que sabe. 

A zaga do Dragão é uma incógnita sem Arthur, machucado, e agora com Edinei. 

Serão dois grandes jogos.