Páginas

segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Cadê o Juizado?

Começou tudo de novo.

Brigas de torcidas, arrastões e confronto de policiais contra torcedores.

Aí, quando algo mais grave acontecer, vão aparecer as autoridades buscando holofotes, propondo e exigindo atitudes.

No final do ano passado implantaram o "Juizado do Torcedor" no Estádio Serra Dourada.

Quem arrumava confusão já saia do estádio punido pela justiça. Disseram que mais de 40 torcedores foram punidos, muitos não poderiam voltar ao estádio nos próximos 2 anos. Será? Eles estão mesmo ausentes do estádio? Prometeram, mas nunca mostraram esses dados.

O combinado é que aconteçam ações conjuntas da Polícia Civil, do Tribunal de Justiça, do Ministério Público e Polícia Militar.

No final do ano passado pediram condições de trabalho. Foram atendidos. Existe uma sala com a estrutura solicitada para o funcionamento desse juizado especial. O monitoramento por câmeras também está funcionando.

Mas a formação desse tribunal já começa a relaxar, presença certa mesmo nos jogos, só da Polícia Militar.

Teve no Goiás X Vila, nada de juizado nos outros jogos e nem no clássico Atlético X Vila Nova, onde não faltou confusão.

Talvez, se tivesse o Juizado, os PMs ao invés de terem perdido as estribeiras teriam prendido esse torcedor.



Nenhum comentário:

Postar um comentário